close
Notícias

Senge-CE comemora 79 anos de lutas e conquistas

senge79_30032021

Já são quase oito décadas de atuação de uma das primeiras entidades de classe criadas no estado. O Sindicato dos Engenheiros no Estado do Ceará comemora 79 anos de história neste dia 30 de março, destacando-se pela defesa dos profissionais da área tecnológica e da sociedade e pela atuação de sucesso em um dos momentos mais desafiadores enfrentados por nossa sociedade, a pandemia da Covid-19.

A história do Senge-CE teve início em 30 de março de 1942, quando a Associação dos Engenheiros do Ceará solicitou registro ao Departamento Nacional do Trabalho, com base no decreto 1.402 de 5 de junho de 1939.

O Sindicato representa todos os grupos de Engenharia, Arquitetura, Agronomia, Geografia, Geologia, Meteorologia e Tecnólogos. Filiado à Federação Nacional dos Engenheiros (FNE), o Senge-CE faz parte do sistema Confea, Crea e Mútua, compondo o plenário do Crea-CE com representatividade.

A diretoria da entidade eleita para o triênio 2019-2022 vem investindo esforços para que o sindicato esteja sempre atuante mesmo com os desafios da pandemia de Covid-19. Durante o lockdown, o atendimento ao público esteve ativo, e o calendário de atividades e as reuniões da diretoria têm continuidade de forma remota.

“Mesmo em home office, estamos honrando com a responsabilidade de lutar pelos direitos da classe que representamos”, destacou a presidente do Senge-CE, Teodora Ximenes.

Os resultados dos trabalhos são representativos e já repercutem na vida dos associados. Por meio da Convenção Coletiva, realizada nas plataformas digitais, o Senge-CE garantiu reajuste salarial e vale-refeição.

Foi assegurado: piso salarial de 8,5 salários mínimos para os profissionais com mais de três anos de graduação e de 6 salários mínimos para os profissionais com menos de três anos de graduação, um reajuste de 1,8%.

Após uma série de reuniões, o Senge-CE também conquistou uma boa negociação relacionada ao reajuste do plano de saúde da Unimed Fortaleza, que ficou abaixo do estipulado pela ANS. Foi pedido pelo plano, no início das negociações, um reajuste de 15,46%, quando o limite da ANS para pessoa física é 8,14%. Ao fim das negociações, foi alcançado pelo Senge-CE o número de 7,30%.

Em colaboração aos profissionais da saúde que trabalham no combate à pandemia de Covid-19, o Senge-CE reforça seu papel social com a doação de mais de duas mil máscaras de proteção, desenvolvidas em parceria com o IFCE, aos profissionais de saúde que atuam na linha de frente da Santa Casa de Misericórdia de Fortaleza.

E para um mercado de trabalho mais justo e igualitário, a entidade, por meio do Centro Vocacional Tecnológico (CVT), realiza a capacitação profissional de jovens em situação de vulnerabilidade. Desta forma, eles estarão aptos a conseguir um emprego ou montar seu próprio negócio.

O Senge-CE continua reforçando o seu compromisso em representar seus sindicalizados e se compromete a defender com dedicação os interesses das classes trabalhadoras representadas.

Assessoria de comunicação

O Autor Assessoria de comunicação

A Inove Comunicação tem know-how na divulgação de eventos nacionais e internacionais e tem como missão dar, a cada cliente, visibilidade na mídia, consolidando a marca no mercado e perante a opinião pública.