close
Sem categoria

Ponto final. Brasil supera atraso de 15 anos no uso de energia solar

solar-ecod

O Brasil conquista hoje a marca de 1 gigawatt (GW) de potência instalada em usinas de fonte solar fotovoltaica, conectados à matriz elétrica nacional. E apesar do atraso de 15 anos no segmento, “os avanços já estão sendo reconhecidos”, diz o presidente da Absolar, Rodrigo Sauaia.

De acordo com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar), encarregada do levantamento, as usinas de fonte solar tem energia suficiente para abastecer 500 residências e atender o consumo de 2 milhões de brasileiros. E hoje, dos 195 países do mundo, o Brasil está entre os 30 que possuem mais de 1GW de fonte solar.

Em 2017, Rodrigo Sauaia declarou que essa marca é resultante do crescimento dos mercados de geração centralizada e geração distribuída solar fotovoltaica.

“Na geração centralizada, contamos com a inauguração de grandes usinas solares fotovoltaicas contratadas pelo governo federal em leilões de energia elétrica realizados em 2014 e 2015. As usinas em funcionamento estão localizadas principalmente nos estados da Bahia, Piauí, Minas Gerais, Rio Grande do Norte e Pernambuco e representam uma potência total de 0,935 GW”, informou Rodrigo Sauaia.

E na geração distribuída, foi registrado um aumento do uso de sistemas fotovoltaicos em residências, comércios, indústrias, prédios públicos e na zona rural, em todas as regiões do país. Nessa caso a potência total é de 0,164 GW que somado ao seguimento de geração centralizada, atinge 1,1 GW operacionais no país .

 

Fonte: http://www.inovacaotecnologica.com.br

Assessoria de comunicação

O Autor Assessoria de comunicação

A Inove Comunicação tem know-how na divulgação de eventos nacionais e internacionais e tem como missão dar, a cada cliente, visibilidade na mídia, consolidando a marca no mercado e perante a opinião pública.

Deixe um Comentário