close
Notícias

Mantos de invisibilidade aquáticos aceleram navios e protegem portos

SENGE 1908 2

Manto da invisibilidade que funciona na água

Desde que a óptica transformacional inaugurou o campo dos metamateriais e seu produto mais famoso, os mantos de invisibilidade, já se sabia que seria possível aplicar o mesmo conceito às ondas de água.

Por isso, logo surgiram propostas de mantos de invisibilidade aquática, permitindo que navios e submarinos viajem sem fazer ondas, e até mantos de invisibilidade contra tsunamis.

Agora, duas equipes, da Coreia do Sul e da China, trabalhando independentemente, conseguiram construir duas versões reais de mantos de invisibilidade aquática, que dirigem o fluxo de fluido ao redor de um objeto, que não sente as ondas e nem as influencia.

Camuflagens aquáticas

A primeira versão de camuflagem aquática consiste em um anel de pequenos pilares que desvia o fluido de tal forma que o arrasto é zero no meio do anel.

Juhyuk Park e colegas da Universidade Nacional de Seul construíram sua camuflagem passiva – que não requer qualquer fornecimento de energia externa – na forma de um metamaterial circular formado por 523 pilares, que dirigem o fluxo para longe do centro, onde fica o objeto que se deseja proteger ou esconder. A equipe afirma que, com desenvolvimentos adicionais e a devida ampliação, o conceito poderá ser usado para reduzir o arrasto de navios e submarinos, permitindo que eles alcancem maior velocidade ou consumam menos combustível.

A segunda versão consiste em um par de plataformas finas que canaliza as ondas ao redor de objetos dentro de um canal de água.

Siyuan Zou e colegas das universidades Zhejiang e Xiamen foram buscar inspiração em um tipo de manto de invisibilidade óptico que utiliza metamateriais com gradientes para manipular a luz. Eles instalaram seus metamateriais ao longo das laterais de um tanque com 60 metros de comprimento, criando regiões onde as ondas viajam mais lentamente. A interação final deixa o meio do tanque praticamente sem ondas. A equipe afirma que o conceito poderá ser usado para proteger portos e áreas costeiras.

Fonte: Inovação Tecnológica.

Assessoria de comunicação

O Autor Assessoria de comunicação

A Inove Comunicação tem know-how na divulgação de eventos nacionais e internacionais e tem como missão dar, a cada cliente, visibilidade na mídia, consolidando a marca no mercado e perante a opinião pública.

Deixe um Comentário