close
Notícias

Em 11 dias, aporte de açudes no Ceará já supera todo abril de 2017

12

Em 11 dias do mês de abril, o aporte dos açudes no Ceará já superou o volume de água recebido durante o mesmo mês no ano passado, segundo dados da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh). Até ontem, a evolução acumulada apontava 0,43 bilhão m³. Durante todo o mês de abril de 2017, o total ganho foi de 0,40 bilhão m³.

O maior aporte de ontem foi no açude Araras, no município de Varjota (a 308 km de Fortaleza), com mais de 30 milhões m³. Ele está com 18% da capacidade. O reservatório, localizado na bacia do Acaraú, é o quarto maior do Ceará, atrás apenas de Castanhão, Orós e Banabuiú.

Na última semana, o Castanhão recebeu mais de 70 milhões m³, seguido do Araras, com quase 50 milhões m³.

Conforme levantamento publicado no Portal Hidrológico, da Cogerh, há 11 açudes sangrando no Estado: Acaraú Mirim (Massapê), Barragem do Batalhão (Crateús), Caldeirões (Saboeiro), Cocó (Fortaleza), Colina (Quiterianópolis), Germinal (Palmácia), Itaúna (Granja), Maranguapinho (Maranguape), São Vicente (Santana do Acaraú), Tijuquinha (Baturité) e Tucunduba (Senador Sá).

Ao mesmo tempo, 104 estão com volume abaixo de 30 %. Há ainda 30 em volume morto e 20 estão considerados secos.

 

Na terça-feira, 10, a capacidade hídrica dos reservatórios do Ceará atingiu a marca de 10% pela primeira vez em sete meses.

 

Já ontem, o número de reservatórios que receberam água subiu para 95, com destaque para o São Vicente, que começou a sangrar. Os aportes tiraram os açudes Frios (Umirim) e Pesqueiro (Capistrano) do volume morto. Os reservatórios Carmina (Catunda) e Santo Antônio de Russas não estão mais secos.

O cenário animador se reforça com o registro de chuvas acima de 100 milímetros (mm) por quatro dias consecutivos, desde o dia 8. No intervalo entre as 7 horas do dia 10 e as 7 horas de ontem, a maior chuva foi em Coreaú: 133 mm.

Conforme a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), choveu em 152 postos pluviométricos entre terça-feira e ontem. Além de Coreaú, chuvas acima de 100 mm foram registradas em Barroquinha (122,2 mm), Santa Quitéria (112,5 mm) e Granja (105 mm).

A maior chuva do ano no Ceará aconteceu em Granja, entre os dias 8 e 9, marcando 173 mm.

Ainda há mais de um mês de quadra chuvosa pela frente — o período se encerra ao fim de maio —, o que pode melhorar a situação hídrica do Estado. O aporte total de 2018 está em 981,56 milhões m³.

Fonte: O Povo.

Assessoria de comunicação

O Autor Assessoria de comunicação

A Inove Comunicação tem know-how na divulgação de eventos nacionais e internacionais e tem como missão dar, a cada cliente, visibilidade na mídia, consolidando a marca no mercado e perante a opinião pública.

Deixe um Comentário