close
Notícias

Diretores do Senge-CE acompanham movimento grevista dos Engenheiros Agrônomos da ADAGRI

no thumb
Engenheiros Agronomos da ADAGRI

O Senge-Ce apóia o movimento grevista dos servidores da Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (ADAGRI), o S.O.S. Adagri, que paralisaram suas atividades em todo o estado desde o início de maio.  Os profissionais pedem reajuste salarial que está defasado em 100% em relação ao salário base. O s servidores pleiteiam concurso público para fortalecimento do número de agentes e fiscais. O movimento reivindica também a valorização dos servidores, paridade em relação aos vencimentos dos profissionais de nível médio e superior de outros órgãos estaduais.

De acordo com a presidente do Senge-CE, Helena Araújo, a categoria merece todo o apoio da sociedade neste movimento grevista. A dedicação desses profissionais é de fato admirável e eles merecem reconhecimento.

Em abril, houve assembleia logo após a paralisação da categoria nos dias 3 e 4 do mês citado. Desde então a categoria tenta envia propostas para o governo, mas não houve retorno.

Os funcionários do órgão entram em greve no mesmo período da campanha de vacinação contra a febre aftosa. Vale ressaltar que, mesmo com todo o efetivo fazendo a fiscalização sobre os produtos como carnes, frutas, iogurtes e derivados, ainda há a comercialização de carne de gado abatida na “moita”, ou seja, fora dos padrões exigidos.

As reivindicações dos servidores da Adagri estão sendo analisadas e negociadas com a Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado do Ceará.

Comunicação

O Autor Comunicação

Deixe um Comentário