close
Notícias

Diretores do Senge-CE participam de debate sobre produção e inovação no IX Conse

no thumb
DSC_9502
No IX Conse, engenheiros apontam desafios do país para produção: Divulgação;Senge-MS)

Engenheiros de todo País estão reunidos, em Campo Grande, na IX Edição do Congresso Nacional dos Engenheiros (Conse). O primeiro painel de palestras, realizado na última segunda-feira (5)  teve como tema “Desenvolvimento Nacional do Agronegócio e Indústria em pauta: desafios e oportunidades”. A diretoria do Sindicato dos Engenheiros no Estado do Ceará (Senge-CE) está presente no evento levando experiências do Estado.

No primeiro dia do evento os palestrantes apontaram as potencialidades do Brasil e também os principais entraves, como a falta de investimento em inovação tecnológica. “Do plantio à irrigação, do armazenamento à infraestrutura temos gargalos que precisamos fechar para crescer e alcançar todo o potencial do país. A Engenharia está diretamente ligada à resolução destes problemas, mas o Estado sozinho não tem condições de investir no nível de tecnologia que necessitamos e é aí que a iniciativa privada tem que incentivar a inovação”, palestrou o chefe do gabinete técnico da Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento de São Paulo, Delson José Amador.

A mesa de palestras contou com a participação dos membros da Federação Nacional dos Engenheiros (FNE) José Ailton Pacheco e José Luiz Azambuja. “Em um momento de crise é importante trazer debates para a construção de um outro cenário ou suscitar novas oportunidades. O IX Conse se propõe justamente para ser esse espaço de discussão com profissionais do mais alto nível”, elogiou o presidente do Sindicato dos Engenheiros de Mato Grosso do Sul (Senge-MS), Edson Shimabukuro. O evento é promovido pela FNE em parceria com Senge-MS, com apoio do Crea-MS, Confea, Mútua-MS e CNTU. Nesta terça-feira (6/10) os painéis continuam com debates sobre Água e Energia, Mobilidade Urbana e Valorização Profissional. Confira a programação completa e mais informações pelo http://sengems.org.br.

Com informações do Senge-MS

Tags : Sengesengecesengems
Comunicação

O Autor Comunicação

Deixe um Comentário