close
no thumb

Um aditivo ao convênio celebrado entre o Ministério da Integração Social e o Governo do Ceará vai permitir a instalação de mais 3.479 cisternas de polietileno, que serão destinados aos municípios de Várzea Alegre (1.700) e Cedro (1.779). Segundo a Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), que assinou o aditivo, ao todo, estão previstas 15.091 cisternas para o Estado, com investimentos de R$ 114 milhões.

A instalação será feita dentro do Programa Água para Todos. O secretário Nelson Martins destacou que cada um desses municípios terá que instalar o Comitê Gestor do programa, que vai acompanhar a instalação desses equipamentos. As empresas que vencerem a licitação deverão entregar o equipamento, instalado, nas comunidades.

“A empresa contratada pela Codevasf vai fazer a instalação das cisternas já prontas nos municípios e a SDA fará o trabalho social para selecionar as famílias”, afirmou o secretário.

INVESTIMENTO
A SDA informa que a licitação já está em andamento, sendo realizada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Paraíba (Codevasf). O Estado aderiu ao sistema de compras do Governo Federal (Comprasnet) para adquirir esses equipamentos que serão instalados também nos municípios de Amontada, Bela Cruz, Trairi, Fortim, São Gonçalo do Amarante e Viçosa do Ceará. Com isso, serão universalizadas as cisternas de polietileno nesses municípios. O investimento total, neste projeto, será de R$ 114 milhões.

Além disso, o Programa Água para Todos terá mais R$ 200 milhões para investir no abastecimento de água. Dentro do projeto, já estão em andamento o trabalho social para a construção de outras 14.225 cisternas de polietileno no Ceará.

Outra licitação prevista pelo secretário Nelson Martins para este mês de março – junto ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) -, está aguardando apenas o resultado, a ser divulgado esta semana, acerca da construção de mais 14,5 mil cisternas de placas. Além disso, serão construídas mais oito mil cisternas de produção. “No balanço que temos com o MDS, o que já foi feito e o que está sendo realizado, só em cisternas, dá R$ 366 milhões”, ressaltou o secretário.

Segundo ele, como a meta do MDS e Governo Federal é a universalização das cisternas até o final de 2014. “Para este ano de 2013 esperamos construir 100 mil cisternas. Em 2011 e 2012, foram 65 mil no Ceará, sendo que dessas, pela SDA, foram 41 mil, o que representa 65% através da secretaria”, destaca Martins.

CISTERNAS DE ENXURRADA
Amanhã (20) haverá seleção de empresas cadastradas para a construção de 7.845 quintais produtivos mantidos com cisternas de enxurrada. Serão selecionadas até 13 entidades sem fins lucrativos, com investimento de R$ 91,9 milhões. O certame será na sede da SDA, no Auditório do Núcleo de Classificação, às 9 horas.

O Programa de Cisternas de Placas e Quintais Produtivos é uma parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Até agora, foram investidos no Programa de Quintais Produtivos R$ 181 milhões, sendo 154 milhões do MDS e R$ 27 milhões da SDA.

 

Fonte: http://www.oestadoce.com.br

Assessoria de comunicação

O Autor Assessoria de comunicação

A Inove Comunicação tem know-how na divulgação de eventos nacionais e internacionais e tem como missão dar, a cada cliente, visibilidade na mídia, consolidando a marca no mercado e perante a opinião pública.

Deixe um Comentário