close
EventosNacionalNotícias

Fortaleza sedia de 6 a 8 de maio o 3º Fórum de Jovens Arquitetos

no thumb

10834926_767104250049701_3054116889571797855_o Entre 6 e 8 de maio de 2015 ocorrerá na Fábrica de Negócios em Fortaleza o 3º Fórum Jovens Arquitetos Latino-Americanos – FJAL, que tem como tema “Do edifício ao território”. Hoje não é mais possível falar sobre arquitetura se restringindo apenas aos edifícios. As relações que estes estabelecem com as cidades, as interações e os usos que podem gerar ou potencializar na paisagem e no território fazem com que arquitetura hoje possa ser encarada quase como uma infraestrutura urbana. 

Esta será a terceira edição do FJAL. Seguindo basicamente os mesmos princípios e formato já citados anteriormente, o evento explorará agora o tema ‘Do edifício ao território’. Hoje não é mais possível falar sobre arquitetura restringindo-se apenas aos edifícios. As relações que estes estabelecem e as interações e usos que podem gerar ou potencializar na paisagem e no território tornam-se protagonistas no debate sobre a produção arquitetônica no século XXI. A crescente conscientização da sociedade sobre as questões urbanas reforça esta postura, e nós, enquanto profissionais que atuam diretamente nas cidades, não podemos ficar alheios a esta discussão. Nesse contexto, a relação da arquitetura com o território torna-se fundamental e é este o campo de exploração da terceira edição do Fórum Jovens Arquitetos Latino-americanos – FJAL.

 

O território, apesar de ser um conceito há muito discutido na Geografia, atualmente possui várias abordagens e interrelações. Sua expressão e definição pode se dar através de relações naturais ou biológicas, culturais, políticas, sociais, econômicas, militares, entre outras. Os territórios podem, inclusive, possuir um caráter cíclico, variando com o tempo, e móvel, deslocando-se nos mais distintos espaços, e que se organiza a partir de redes que se interligam pelo fluxo de informações ou contatos.

 

A ideia do tema do 3º FJAL é, portanto, explorar o papel da arquitetura em tais relações, como esta pode influenciar e ser influenciada em tais processos. Com o crescente aumento da população urbana, muitas vezes tais questões territoriais se confundem com as problemáticas urbanas. A crescente conscientização da sociedade sobre tais questões reforça esta postura, e nós, enquanto profissionais que atuam diretamente nas cidades, não podemos ficar alheios a esta discussão. A idéia do 3º FJAL é, portanto, através do trabalho dos arquitetos convidados, levantar este debate durante os três dias do evento

www.fjal.com.br

Temporario

O Autor Temporario

Deixe um Comentário